Elemento perigoso é preso em Carnaíba de Euclides da Cunha

Fotos: José Dilson/euclidesdacunha.com e Polícia Civil
Uma denúncia anônima feita para a 1ª Delegacia de Polícia de Euclides da Cunha levou à prisão o elemento Maílson Silva, maior de 18 anos, que se encontrava homiziado no povoado de Carnaíba, meio rural de Euclides da Cunha, distante 24 km, da sede municipal.
Ao receber a denúncia, a equipe do Serviço de Investigação da 25ª Coordenadoria de Polícia do Interior, sediada em Euclides da Cunha, passou a investigar o denunciado, que culminou com a sua prisão, nesta terça-feira (06), por uma equipe formada pelos agentes Moura e Raphael Rangel, chefe do S.I.
 
Os policiais civis se deslocaram para Carnaíba, onde identificaram e localizaram Maílson, que se encontrava morando no povoado, há cerca de quatro meses, exercendo a atividade de vigilante noturno. Com o denunciado, foi encontrado uma capa de colete, uma camisa de vigilante noturno com um emblema de um tigre, além de uma motocicleta totalmente irregular, pois não possuía placa, nem identificação.
 
Feito um levantamento sobre a vida pregressa do conduzido, verificou-se que existia em seu desfavor, um mandado de prisão expedido pela Justiça da Comarca de Senhor do Bonfim, de onde era fugitivo, sob a acusação de roubo a estabelecimentos comerciais nas cidades de Filadélfia e Itiúba, além de participação em assalto a uma agência bancária da região, segundo informação da polícia. No mandado de prisão o acusado responde por crime enquadrado no artigo 157, Inciso I e II do Código Penal.
Na tarde desta terça-feira (07), uma equipe da Polícia Civil de Senhor do Bonfim veio a Euclides da Cunha e conduziu para aquela unidade policial judiciária, o perigoso elemento que havia encontrado guarida em um dos principais povoados de Euclides da Cunha, onde atuava como vigilante noturno de estabelecimentos comerciais, justamente, uma das acusações criminais que pesam contra ele. *Foto: Polícia Civil/euclidesdacunha.com
 

EUCLIDES DA CUNHA TEM REDUÇÃO DE CRIMES VIOLENTOS NOS ÚLTIMOS MESES
 
Dados obtidos pelo Site euclidesdacunha.com junto ao serviço de Investigação da 25ª Coordenadoria de Polícia do Interior indicam redução de criminalidade e homicídio nos últimos três meses, a partir de julho a outubro de 2017, em relação ao mesmo período de 2016.
 
No dia 2 de novembro, Euclides da Cunha completou três meses sem registro de morte por homicídio, segundo informação do Serviço de Investigação. Veja a seguir, análise dos crimes violentos letais (CVLI) ocorridos em Euclides da Cunha e na AISP- Área de Integridade de Segurança Pública, que reúne 15 municípios da região nordeste da Bahia, sob a coordenação da 25ª Coordenadoria de Polícia do Interior.

Publicado em: http://www.euclidesdacunha.comnews/print/id/2205