Luan Santana: Todas as escolham implicam em perdas

Imagem: Reprodução
Você sabe qual é a coisa mais difícil da vida? Talvez você tenha uma opinião diferente, mas para mim é aceitar que todas as nossas escolhas exigem da gente sacrifícios. Ora essas decisões são bem óbvias e as perdas brandas, ora elas são desgastantes e confusas e as perdas são enormes.
 
Temos dificuldades de entender que NEM SEMPRE ganhamos o que achamos merecer.
 

Temos muita dificuldade em digerir que SEMPRE estamos perdendo alguma coisa.

Alguns ganham o trabalho e perdem a paz. Outros perdem a solidão e viram companhia. A quem ganhe dinheiro, mas ao preço da sua saúde. Ou quem sabe aquele que ganhou o amor do próximo, mas perdeu o amor próprio.

Quem pode medir os reais prejuízos de nossas escolhas?

Ninguém me disse como seria o amanhã. Não me recordo de ter nascido com um manual de instrução. Não consigo se quer me compreender completamente. Como poderia diante de tudo isso saber que tipo de escolha fazer? Será que realmente vivo minha vida da melhor maneira possível?

É por todas essas coisas que só conseguimos compreender as perdas que nossas escolhas provocam a partir de suas consequências. São elas que dirão se estamos indo bem ou mal.

A verdade é que muitos de nós desistiram de sua felicidade não por circunstâncias fora deles, mas por que dentro de si não foram capazes de aceitar seus erros e derrotas. Sempre os teremos conosco, somos humanos, por isso quanto antes aprendermos lidar com eles, melhor.

Portanto, livre-se da culpa, do trauma, dos arrependimentos doentios, da dor que provoca autopunição, do ódio a si e aos outros, livre-se de cada um desses sentimentos que vieram pelas consequências de uma escolha equivocada. A vida sempre será assim e por mais que achemos que estamos tomando a atitude certa, há sempre algo que teremos que abrir mão.

Não há outro jeito, você aprende a viver vivendo. É sob o risco de ser infeliz que a gente luta pela felicidade. É com a possibilidade da derrota que a gente corre atrás da vitória. Só podemos determinar com total transparência o que nessa vida vale a pena ganhar e o que nela vale a pena perder.

A escolha é nossa.

*Psicólogo Luan Santana. CRP: 03/11290

 

Publicado em: http://www.euclidesdacunha.comnews/print/id/2415