Luan Santana: “Afinal, por que nos desvalorizamos tanto”?

Imagem: Divulgação 

 Há várias respostas para essa pergunta. Alguns motivos são: medo de crescer e ser independente, por dependência afetiva a uma pessoa de sua vida, por uma relação ruim com a família, pelo excesso de culpa, por achar que não merece um bom futuro ou o amor de alguem, ou por causa de uma história que deixou muitas marcas de sofrimento.

Se você não der sentido a sua dor, ela certamente lhe consumirá. Por isso, para não pôr tudo a perder, é necessário ter um olhar de maior compaixão para si mesmo e ser mais leve nas impressões que tem ao se olhar no espelho.

Assuma seus erros como parte de um crescimento pessoal que é necessário para qualquer um. Pegue leve com você e para de se julgar tanto. Tenha mais carinho pela pessoa que você é. E seja paciente porque nada nessa vida segue o tempo de nossas ansiedades.

Esteja em paz e deixe que as respostas venham no seu próprio tempo. Ninguém se resolve do dia pra noite, é preciso equilíbrio e uma dose extra de fé.
Tudo vai ficar bem, mas desde que você não dificulte sua vida ao se pôr como obstáculo para a própria felicidade, pelo contrário, seja o primeiro a torcer e apostar naquilo que você é capaz de ser e de fazer.

Valorizar-se pode mudar tudo, inclusive seu destino.

Ate mais, pessoal 🙂 Psicólogo Luan Santana
CRP: 03/11290

#FELIZ #AMOR #PAZ #FE #ALEGRIA #PSICOTERAPIA #VALOR #AUTOESTIMA

Por: Luan Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *