Luan Santana: Ou você seus medos ou eles te superam

O medo te afasta das pessoas porque ele não permite que você assuma os seus próprios sentimentos e pensamentos pela vergonha do que podem pensar. E ainda que conviva bem com todo mundo, no fundo você não estará sendo você mesmo, o que vai gerar uma solidão imensa demais para ser ignorada.

 

O medo te afasta dos seus sonhos porque acaba te fazendo acreditar que seu plano é arriscado demais para ser vivido e que por ser um caminho difícil, você não seria forte suficiente para chegar lá.

 

O medo te afasta do amor porque quando é necessário ter fé e confiar, ele te enreda em pensamentos sombrios que te convence que tudo aquilo não passa de uma armação e que o amor verdadeiro não existe.

 

O medo te afasta da sua felicidade porque aquilo que você deveria mudar ou abrir mão, ele acaba te impedindo de fazê-lo, pois no fundo você sabe que se o fizer vai ser obrigado a se reinventar, e o medo prefere que você seja sempre o mesmo.

 

O medo te aproxima dos seus arrependimentos, da sua culpa, da sua ansiedade e de suas tristezas, pois aos poucos ele vai te mostrando que a vida tem tantas coisas ruins e difíceis que não resta mais como buscar algo diferente da realidade que já tem.

 

Mas ei, o único propósito do medo é ser superado. Você tem que fazer algo a respeito e não usá-lo como ponto de partida para suas ações e não ações. Vai com medo, vai com temor, vai com as desculpas, só não para. É melhor ir andando meio que titubeando, mas ganhando confiança, do que querer começar logo voando, mas sem nunca conseguir dar o primeiro passo.

 

 

Psicólogo Luan Santana

 

CRP 03/11290

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *