Saúde em pauta: Entrevista com a especialista Erica Daniela

 

Erica Daniela atuante na área de enfermagem dermatológica estética traz informações e dicas imprescindíveis de como se cuidar nesse verão.

Com a chegada do verão e esse período de férias, passamos os dias em praias, piscinas e consequentemente expostos por mais tempo ao sol, para que você saiba como se cuidar devidamente nessa época do ano, trouxemos a especialista em enfermagem dermatológica estética Erica Daniela.

Erica Daniela, além de estar inserida na gestão da Secretária de Saúde do município de Monte Santo e Euclides da Cunha, também atende no seu consultório que está logrado no endereço: Rua Manuel Conselho Campos, nº 119 – Centro. Entre os diversos procedimentos estéticos realizados pela especialista, temos tratamento para flacidez, microagulhamento, radiofrequência, limpeza de pele, microdermoabrasão para estrias entre outros. Em entrevista concedida a este portal de notícias a respectiva especialista citou os cuidados que devemos ter com a nossa pele e o corpo em modo geral neste verão.

Quais cuidados essências devemos ter com a nossa pele neste verão?

Fazer o uso de protetor solar adequado, investir em chapéu e manter-se hidratado, tanto com uso de hidratantes quanto por ingestão de líquidos e uma dieta com saladas levinhas e muita fruta, pois nossa pele precisa ser cuidada de dentro para fora.

Sabemos que piscinas públicas possui uma aglomeração de pessoas, sendo assim, podemos nos contaminar com alguma doença de pele (a micose por exemplo)? Quais são essas possíveis doenças e como prevenir/tratar?

Existem os famosos popularmente – “Pano Branco”, Herpes… e a Micose é mais propensa no verão. O maior órgão do corpo humano possui um sistema complexo, nele existem as glândulas sudoríferas que expelem o “suor” criando uma barreira protetora ao redor da pele. O ideal é que sempre ao sair das piscinas, tomem uma “chuveirada”, ao chegar em casa ou em um banheiro privativo, usem sabonetes antibacterianos em um banho com maior atenção e mantenham locais como entre os dedos dos pés sempre secos.

Ao falar do verão, devemos nos atentar não só nessa época, mas precisamos redobrar nossos cuidados com a pele para evitar o tão temido câncer, a população dessa região semiárida, sofre com os longos períodos de estiagem e até tem a sensação de que o sol fica mais próximo dos sertanejos, isso realmente torna essas pessoas mais vulneráveis ao câncer de pele?

Sim, certamente. É facilmente observado que os moradores da zona rural usam uma roupagem específica, roupas de manga cumprida, chapéu largo e isso deve ser mantido, acrescentando o uso de protetor solar adequado, usar sombrinhas e sempre observar sinais, manchas na pele ou feridas que não cicatrizam.

Como o câncer de pele se desenvolve?

Sinais que podem ser um meloma, manchas atípicas, alguma ferida que não cicatriza… O importante é conhecer bem o próprio corpo e ir até um médico dermatologista para realizar uma avaliação.

No verão, queremos nos bronzear, ficar com aquela corzinha bonita e geralmente não usamos protetor solar ou as vezes apenas o bronzeador, discorra sobre isso.

O ideal é que use sempre alguma forma de proteção, geralmente os bronzeadores atuais já vem com um fator de proteção. A ingestão de alimentos de coloração vermelha ou alaranjada como cenoura, beterraba e mamão, ajudam no bronzeamento. Lembrando também que deve-se ter cuidado no manuseio de algumas frutas cítricas como o limão, ao fazer alguma bebida, seja uma caipirinha ou limonada, sempre lavar bem as mãos com água corrente e sabão, pois o limão expele uma substância que gera queimaduras na pele de até segundo grau se exposto ao sol.

Estamos na época que queremos usar e abusar de biquínis, mas tememos as terríveis estrias e celulites, há um tabu sobre procedimentos estéticos, acredita-se que é algo inalcançável, o que você nos diz sobre isso?

A estética existe para todos os bolsos, temos diversos tipos de tratamento com valores muito acessíveis e eficazes, pois o que pode influenciar no preço é o tipo de tecnologia utilizada. Existe dois tipos de estrias, as rubras e albas, as rubras que são as de coloração vermelha ainda existe circulação sanguínea e são mais recentes, as albas são estrias esbranquiçadas e mais antigas, ambas podem ser tratadas e melhorar a aparência e até sumir cerca de 80% dependendo tanto do organismo como dos cuidados pós tratamento – “Homecare”.

A especialista Érica Daniela, atua na área da estética há mais de dois anos e está inserida na área da saúde há mais de 20 anos, atende em seu consultório e o seu foco principal é agregar à estética o bem-estar, pois uma pessoa de bem consigo mesmo, emana essa energia em todos os âmbitos da vida cotidiana trazendo diversos benefícios para a saúde e proporcionando um estado emocional mais leve e equilibrado.

Entre em contato pelo telefone (75) 99974-1136 e marque uma consulta, cuidar de si mesmo é essencial

Por: Mayana Xavier/Euclidesdacunha.com – Foto: Euclidesdacunha.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *